Casamento Ecumênico – Cerimônia das Velas

Da união de duas chamas surge uma nova família

A Cerimônia das Velas, também chamada de Cerimônia da Luz, é muito utilizada pelos noivos que optaram por um casamento ecumênico porque inclui as famílias no ritual e na simbologia. Veja como é

Noivos realizam Ritual das Velas Os noivos que pretendem realizar um casamento ecumênico, ou acrescentar um ritual diferente e simbólico para marcar a união, podem optar pela Cerimônia das Velas, também conhecida como Cerimônia da Luz.

O fogo representa o espírito, a chama do amor, a paixão e a vida. Esse ritual também é muito utilizado porque inclui, de forma física ou simbólica, a presença das famílias no altar.

 

São utilizadas três velas para essa cerimônia: uma representando a família da noiva, outra a do noivo, a terceira será acesa para representar a nova família que surge dessa união. Primeiro, os pais (ou somente a mãe) dos noivos acendem, cada um, a vela de sua família e a entrega aos seus respectivos filhos. O casal então une as duas chamas e acende uma nova vela no altar. Nesse momento os dois se tornam um.

Variações de dicas para a Cerimônia da Luz

Há uma variação desse ritual em que os pais do casal acendem e unem as chamas das suas velas e assim acendem a terceira vela, segurada pelos noivos. Você pode conversar com o celebrante para escolher qual formato é mais adequado. Durante o ritual pode ser tocada uma música ou o celebrante pode explicar a simbologia do momento. Ao final, as velas dos pais podem continuar acesas no altar, significando que a luz das famílias continuará a iluminar o novo casal, ou podem ser apagadas pelos noivos, indicando que agora a família é uma só.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *